Você está aqui
Home > Atendendo clientes > Ocultação de likes no Instagram: o que muda?

Ocultação de likes no Instagram: o que muda?

Likes no Instagram

Desde 17 de julho o Instagram passou a ocultar do público geral o número de likes das postagens.

E essa mudança não ocorreu apenas no Brasil, no Canadá a nova política está em teste há pouco mais de 2 meses. Outros países que também deixaram de exibir os likes são Austrália, Irlanda, Itália, Japão e Nova Zelândia.

O número de curtidas que um post recebe, embora não seja a melhor medida de “sucesso”, há muito tempo é uma espécie de símbolo de status na plataforma.

Tanto que, milhares e milhares de pessoas (físicas e jurídicas) já fizeram uso de compra de likes para parecerem mais populares do que realmente são. Uma tática que, além de não ser boa para os negócios, ainda é proibida pelas políticas de uso do app.

Com ocultação de likes no Instagram, muitos empresários, estrelas e influencers, acreditam que saíram perdendo na corrida da popularidade.

Porém, para Mark Zuckerberg, a mudança vai fazer justamente o contrário, forçando o compartilhamento de conteúdo criativo e autêntico, resultando em mais engajamento. “Queremos que as pessoas se interessem menos em quantos curtiram um post e se concentrem mais em se conectar com outras pessoas”, declarou em entrevista.

Como a ocultação de likes no Instagram afetará influenciadores e marcas?

Se você faz parte do grupo que se mostra preocupado, temos uma forma de enxergar as coisas que poderá trazer calma:

Pense sobre os Stories: nunca foram exibidas publicamente as métricas de likes dos Stories no Instagram e, ainda assim esta funcionalidade explodiu em popularidade, trouxe muito engajamento e se tornou uma importante ferramenta de alcance para marcas em todo o mundo.

Não mostrar que 1, 10, 1000 ou seja lá quantas pessoas curtiram uma publicação da sua empresa pode dar a você mais liberdade para fazer testes e ousar em publicações.

Além disso, mesmo que ninguém mais possa ver a quantidade de curtidas que suas publicações tiveram, você ainda será capaz de mensurar isso, portanto, as métricas para criar campanhas – pagas ou orgânicas – continuará acontecendo.

Outro detalhe que poucas pessoas pararam para pensar: a ocultação de likes também pode dar a chance para que empresas pequenas não se sintam intimidadas pelas gigantes do mercado.

Imagine que você tem uma empresa pequena, que conseguia menos de 100 likes nas postagens.

A partir de agora, esse número não será relevante para o público geral. Agora, seu público vai prestar atenção naquilo que você oferece.

As vantagens dos seus produtos ou serviços é que terão o foco das publicações, e não a quantidade de likes das postagens.

Likes no Instagram

Novo Instagram: sem likes, mas com comentários!

Como já deu para perceber, embora o primeiro impacto da ocultação de likes no Instagram pode ser muito estranho, a medida não será de todo ruim.

Além de garantir que haja mais conteúdo de qualidade, a mudança também abre espaço para que uma outra métrica de engajamento se torne mais relevante: os comentários.

A partir de agora, ao invés de estimular as curtidas, é preciso inspirar que seu público-alvo interaja com mais qualidade com sua marca no Instagram.

E isso significa que você precisa estruturar suas campanhas de forma a garantir que as pessoas deixem comentários.

A partir de agora, sua maior preocupação não deve ser quantas pessoas curtiram uma postagem. Curtir se tornou algo muito automático.

Um usuário pode curtir 50 imagens/vídeos por dia, às vezes até mais. Ao chegar ao final do dia, ele sequer se lembra da metade desses likes. A mudança vai forçar as marcas a criar conteúdo que gere engajamento real.

Também há um novo contexto que vai acabar forçando que as marcas invistam mais em publicidade paga dentro da plataforma, mas isso é tema de um próximo artigo.

Continue seguindo o Blog GuiaJá para receber conteúdo de qualidade sobre marketing, empreendedorismo e muito mais.

Aproveite para sugerir novos temas e assine nossa NewsLetter!

 

Deixe uma resposta

Top