Você está aqui
Home > Dicas de sucesso > Como o brainstorm pode ajudar sua empresa a ser mais criativa

Como o brainstorm pode ajudar sua empresa a ser mais criativa

Brainstorm

Com a participação de toda equipe, o brainstorm garante uma chuva de ideias, que podem ser aproveitadas pela empresa!

Duas cabeças pensam melhor que uma. É justamente assim que o brainstorm pode ajudar sua empresa a ser mais criativa, afinal, com todos pensando livremente, as ideias vão surgindo, se aprimorando e trazendo novos e bons resultados.

Com o brainstorm, você e seus colaboradores podem encontrar soluções eficientes para os problemas que ocorrem rotineiramente em qualquer empresa, como por exemplo o desperdício de recursos, como materiais de limpeza, higiene e escritório.

Também é possível contornar situações mais difíceis, como as causadas pela crise financeira, e até mesmo criar e aprimorar os produtos e serviços oferecidos.

O que é brainstorm?

Brainstorm significa tempestade de ideias. E o conceito é bem simples: todos se reúnem e começam a pensar em soluções para um determinado assunto. A partir deste ponto, os participantes do brainstorm precisam ter espaço suficiente para colocar suas ideias para fora e assim a criatividade vai fluindo.

Para conseguir um brainstorm realmente eficiente é preciso que todos tenham vontade de participar e, para isso é preciso que os funcionários, colaboradores e demais membros da equipe tenham liberdade para apresentar suas ideias.

Quando os participantes tiram sarro, repreendem ou imediatamente dizem que a ideia não dará certo as chances de que o brainstorm são reduzidas. É claro que a descontração faz parte do processo, mas o respeito aos colegas é mais que essencial nesse tipo de atividade.

Brainstorm

Como realizar um brainstorm?

Existem algumas regrinhas para realizar um brainstorm de sucesso, e a primeira delas é não interromper quem estiver falando. É difícil, mas precisamos saber ouvir o outro. Nossos colegas, chefes ou funcionários também tem coisas a dizer, temos que lembrar sempre disso.

Outro detalhe importante é tomar cuidado para não fugir completamente do foco. Se a empresa está com dificuldades financeiras, o foco do brainstorm é encontrar uma solução para este problema; ou se a atividade tem como objetivo a criação de um novo produto, não se pode fugir deste assunto.

Também é preciso manter a mente aberta e mostrar interesse naquilo que o outro está dizendo, e tentar não criar conflitos desnecessários durante a atividade. Uma discussão é normal quando cada um tenta defender seu ponto de vista, mas não é nada normal quando ultrapassa limites e se torna uma disputa pessoal.

Brainstorm não é uma competição, não se trata de ‘eu ganhei’. Se trata de uma ferramenta que só irá funcionar quando todos entenderem que a empresa só irá crescer com o trabalho em equipe e a colaboração de todos.

5 passos para realizar um brainstorm na sua empresa:

A primeira coisa para conseguir alcançar bons resultados com o brainstorm é não pegar ninguém de surpresa. Preparação é uma etapa essencial para esta atividade, e assim, você deve marcar um dia para que a equipe possa se preparar adequadamente e realizar pesquisas que irão enriquecer a discussão.

O segundo passo é preparar um local tranquilo para que a reunião ocorra, com menos barulho quanto for possível, e sem distrações (TV, rádio, entre outros).

O passo três para um brainstorm bem sucedido é apresentar novamente o problema, dando mais detalhes e tirando as dúvidas da equipe.

O quarto passo é atuar como um moderador, garantindo que todos tenham espaço para expor suas ideias. Além disso, o moderador também deve tomar nota de tudo. E tudo significa tudo! Por mais absurda que uma ideia possa parecer, é preciso tomar nota dela.

O quinto e último passo é peneirar essas ideias. Também com a ajuda da equipe, é preciso saber escolher entre as ideias com melhor custo/benefício, além de combinar outras ideias para que juntas elas tenham maior força.

E depois?

Quando o brainstorm chega ao fim, é preciso fazer uma avaliação geral e com as anotações em mãos, começar o trabalho para implantar as mudanças na empresa. De nada adianta o esforço criativo se você e sua equipe não se esforçarem para colocar as ideias em prática!

Deixe uma resposta

Top