Você está aqui
Home > Dicas de sucesso > Está pensando em abrir uma franquia? Veja os cuidados que você deve tomar

Está pensando em abrir uma franquia? Veja os cuidados que você deve tomar

Não é de hoje que investir em uma franquia é uma das maneiras preferidas de muitas pessoas na hora de começar um negócio próprio. Como esse formato é padronizado e geralmente conta com uma marca forte, muitos se esquecem dos riscos que podem estar envolvidos nesta ação.

Por isso, se você está pensando em começar uma franquia, seja qual for o seguimento, é preciso estudar todos os prós e contra envolvidos. Nada de ir fechando o negócio sem sanar todas as suas dúvidas e, o principal: nada de esperar que o negócio “ande sozinho” só porque se trata de uma franquia.

Invista tempo conhecendo melhor o tipo de franquia que você quer

Sabe o que determina o sucesso ou o fracasso de qualquer negócio: o conhecimento do dono sobre seu produto. Pode parecer uma grande besteira, mas ser realmente envolvido com sua empresa é a primeira coisa que você tem que colocar na cabeça.

Assim, quando a palavra franquia passar pela sua mente, não vá simplesmente atrás da mais óbvia, ou naquela que parece mais rentável, nem muito menos na que sua família acha que é a melhor para você.

Tire um tempo, algo em torno de pelo menos dois ou três meses, para poder se dedicar e estudar com mais profundidade cada uma das franquias pelas quais se interessou. Se puder, visite algumas delas, “sinta” o ambiente, verifique se os produtos são realmente como você espera.

Decisões precipitadas são uma aposta muito arriscada. Elas podem dar muito certo, mas podem também dar muito errado e ao abrir um negócio, o que você precisa fazer é diminuir os riscos ao máximo.

Analise qual é o tipo de cliente que você procura

Além de saber qual o tipo de negócio que você quer começar, você também precisa ter consciência se haverá pessoas interessadas em consumir seu produto ou serviço. Não importa o quanto sua loja seja linda, ou quanto os produtos sejam atrativos se você não conseguir alcançar seu público alvo.

Para isso você precisa olhar para o produto que pretende vender com um grande ponto de interrogação e se perguntar “quem gostaria de comprar isso”. Em alguns casos, como franquias do ramo alimentício, encontrar esse público pode ser mais fácil.

Porém, em outros ramos, como mundo pet, confecções, produtos naturais, entre outros, é preciso entender que, quando se entra em um mercado de nicho, existe a necessidade de levar em conta muitas informações.

Essa pesquisa envolvem a faixa etária, estado civil, poder aquisitivo e, em alguns casos, até religião. Não tenha pressa e também dedique tempo para conhecer o perfil dos seus clientes. Quando você tiver o conhecimento sobre seu produto e o conhecimento sobre seu público alvo, a estrada que o levará ao sucesso ficará muito mais fácil de ser trilhada.

Não assine nada com pressa

Quando você realmente tiver decidido em qual franquia irá investir, não importa o quanto falarem do quanto esta franquia é maravilhosa, possui os melhores produtos e atrai os clientes mais fiéis, não assine nenhum contrato antes de decorar suas cláusulas.

Sabe aquela mania feia que temos de assinar sem ler? Pois bem, se você pretende se tornar um empreendedor de sucesso, esqueça isso! Assim que estiver com seu contrato em mãos, leia-o atentamente, e faça isso várias vezes.

Algumas franquias, por exemplo, trazem cláusulas de não concorrência, que impedem que o franqueado abra uma empresa do mesmo seguimento. Já em outros contratos, existe uma grande dificuldade caso o franqueado queira deixar a franquia.

Se puder leve seu contrato até um advogado ou consultor, você pode inclusive procurar uma das unidades do Sebrae ou o Sebrae Móvel para tirar dúvidas. Os contratos são sempre caixinhas de surpresa, e ao saber o que ele contém, você pode evitar uma série de problemas, sejam eles pequenos ou grandes.

Não alimente a ilusão de que a franquia “vende sozinha”

Algumas empresas passam uma informação equivocada a seus franqueados e acabam dando a entender que esta ou aquela franquia é tão boa que seus produtos “se vendem sozinhos”. Bem, é claro que com uma marca bem estabelecida e divulgada, alcançar os clientes pode ser mais fácil, porém, nenhum negócio anda com as próprias pernas.

Optar por uma franquia acreditando que esta será uma forma de realizar o sonho de ganhar dinheiro trabalhando pouco é uma ilusão. Seja em um negócio próprio ou em uma franquia, seu envolvimento será sempre necessário

Não estamos dizendo que você terá que trabalhar 24 horas por dia, mas sim que você precisa levar o negócio a sério. A diferença entre um projeto que renderá bons frutos e de um que estará fadado ao fracasso é justamente o nível de dedicação e seriedade que você irá dedicar a ele!

Deixe uma resposta

Top