Você está aqui
Home > Atendendo clientes > O que muda na comunicação quando a venda não é presencial?

O que muda na comunicação quando a venda não é presencial?

Venda não presencial

Aprenda como aumentar a venda não presencial da sua empresa adotando novas formas de comunicação.

Vender e depois vender ainda mais. É assim que qualquer empresa – seja de produtos ou prestação serviços – consegue crescer. Atualmente uma grande aliada de empresas de todos os tamanhos é a venda não presencial, que garante mais economia para o negócio.

Mas se por um lado essa modalidade traz muitas vantagens – que você confere ainda neste artigo – também traz alguns obstáculos e o principal deles é com relação a comunicação.

Quando falamos em venda não presencial, também chamada de Inside Sales, a primeira coisa que você precisa entender é que a comunicação com os clientes não será cara a cara. Seja por telefone, Skype, Whatsapp, ou qualquer outra tecnologia, como não há contato presencial, os vendedores precisam saber como manter o controle, cativar e conquistar os clientes.

Venda não presencial: comunicação que traz resultados!

Quando falamos em venda, falamos em uma relação entre cliente e vendedor. Na situação mais clássica, o consumidor é atendido por uma pessoa, que se comunica com ele de diferentes formas. Além da fala, o vendedor também deve assumir uma postura corporal diferenciada, além de gestos, risos, e o famosos olho no olho.

Mas quando falamos em venda não presencial, toda essa interação é praticamente excluída! É por isso que nessas vendas, saber empregar a voz de maneira adequada faz toda diferença.

Para garantir o sucesso na venda não presencial, é preciso adequar o tom, volume e ritmo da voz. Ao atender um cliente por telefone, por exemplo, é preciso ter animação e saber quando falar de uma forma mais intensa.

É sempre importante se manter atento ao cliente, prestar atenção em tudo que ele diz e tentar encaixar informações que complementem aquilo que ele está dizendo. Por isso, conhecer muito bem o seu produto e serviço é primordial.

Outra coisa extremamente importante é com relação a pronuncia. Tenha sempre em mente que este tipo de trabalho deve ser feito por pessoas com boa dicção e, acima de tudo, com muita paciência para saber ouvir os clientes.

Venda não presencial

Ser amigo da tecnologia

Até pouco tempo, as vendas não presenciais se resumiam a atender os clientes por telefone. Mas graças a tecnologia, isso mudou, e para melhor! Com diversas ferramentas online, o processo de venda não presencial mudou bastante.

Para garantir que a comunicação seja ainda mais eficiente, aproveite sistemas como Skype e Google Hangout, que são gratuitos, e mostre ao seu cliente que ele pode ser atendido em uma vídeo-chamada.

Também permita que ele entre em contato para tirar dúvidas através de aplicativos de mensagem, como o Whatsapp, por exemplo. Mas não se esqueça que, nesse tipo de ferramenta todo cuidado é pouco. Como palavras escritas podem tomar todo tipo de proporção, evite fazer piadas, pois podem ser mal interpretadas.

Vantagens da venda não presencial

A principal vantagem trazida pela venda não presencial é a economia. Como os atendimentos ao cliente são feitos de dentro da empresa – seja por telefone ou qualquer aplicativo e programa – não há gastos com o transporte dos vendedores.

Além disso, também não há custos indiretamente relacionados as vendas, como pagamento de almoço e hospedagem. Com esses custos reduzidos, você pode abaixar o preço dos produtos vendidos, o que atrai mais clientes e gera mais renda para sua empresa.

Outra vantagem é que não é preciso manter uma grande estrutura física para a empresa, pois em uma sala simples já é possível montar uma central para vendas não presenciais.

No entanto, apesar de todas as vantagens, nesse tipo de negócio é preciso que ocorra muito investimento em funcionários. Venda não presencial não é a mesma coisa que telemarketing!

Invista sempre em treinamento para sua equipe e para si mesmo. Cursos e palestras online são de grande ajuda para quem deseja se aprimorar, que para isso precise investir uma fortuna.

Gostou do nosso artigo? Tem dúvidas sobre vendas não presenciais? Deixe sua opinião nos comentários!

Deixe uma resposta

Top